Arquivo da tag: pfw

Olivia Palermo Trend Alert!

A nossa querida it girl Olivia Palermo, arrasou na escolha do seu look para conferir o desfile de Valentino no Paris Fashion Week.

Dá só uma olhada se você aprova!

Confesso que o que eu mais gostei na produção foram as sandálias Giuseppe Zanotti!! Esse modelo Crystal Embellished sai em média US$ 1.500,00.

Ela é ou não é lindíssima?

No post abaixo vocês conferem alguns modelos da Luiza Barcelos que são inspirados nas criações de Giuseppe Zanotti. Elas cabem melhor nos nossos bolsos e são lindíssimas também! 🙂

Luiza Barcelos, pra vocês!

Maaaas, se mesmo assim você ainda gostaria de ter uma sandália como a de Olivia Palermo, pelo site Farfetch você encontra esse modelinho!

Deixe um comentário

Arquivado em itskika's files!

Miroslava Duma no PFW 2012!

Quem aí se lembra da itgirl russa Miroslava Duma que já apareceu aqui pelo blog com looks incríveis!?

Pois é, Miroslava Duma esteve em Paris para participar de uma das semanas de moda mais baladada ever.. a Paris Fashion Week!

Adorei os colares escolhidas pela itgirl e as peças de impacto que são super estilosas e divertidas.

Aliás vão se acostumando meninas, pois serão super tendência no nosso verão 2012!

Take a Look!

Este slideshow necessita de JavaScript.

2 Comentários

Arquivado em itskika's files!

Chanel no PFW 2011.

Karl Lagerfeld gosta de imaginar catástrofes naturais quando cria suas coleções de inverno. No ano passado ele colocou um iceberg gigante no centro da apresentação, lembrando os perigos do aquecimento global. Agora o estilista transformou o Grand Palais em um cenário apocalíptico, com direito a fumaça, carvão e pedras espalhadas como se um vulcão acabasse de entrar em erupção. Nos looks, o foco foi nas sobreposições. Os clássicos tailleurs apareceram sobre blazers. Calças jeans skinny de aparência desgastada foram usadas com conjuntos de casaco e minissaia. Outra calça que marcou a coleção foi um folgado modelo de alfaiataria, que veio ora com a barra displicentemente dobrada, ora com um comprimento que causava volume no tornozelo.

Os sapatos refletiram o clima pesado, atípico na Chanel, que pairou sobre o desfile: muitas botas masculinas e sapatos oxford apareceram ao lado de um clássico escarpim de salto médio. Uma série de macacões vieram em diversos materiais – tweed, matelassê e até renda – contando com grandes bolsos utilitários na altura das coxas. A sombria cartela de cores combinou com a atmosfera apocalíptica: preto, cinza, marinho e marfim com leves toques de vermelho e verde. Quebrando o peso da coleção, alguns vestidos de tecido vaporoso e modelagem à la década de 1920 e inusitados longos de malha, como o modelo que a brasileira Aline Weber desfilou.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe um comentário

Arquivado em itskika's files!

Yves Saint Laurent no PFW 2011

“A coleção de inverno de Pilati para Yves Saint Laurent deve calar os fofoqueiros da moda, pelo menos por um tempo”, escreveu o site WWD, citando os rumores sobre uma possível demissão de Stefano Pilati da direção criativa da grife. “Foram roupas rigorosamente elegantes, superchics e sensuais”, completou Tim Blanks, do Style.com. O desfile criado pelo estilista italiano teve motivo para receber tantos elogios. A apresentação abriu com uma série impecável de alfaiataria em xadrez Príncipe de Gales com ares de anos 1960. Minissaias, blazers de corte feminino, camisas e capas: tudo com um apelo altamente vendável. A cartela de cores veio neutra, com muito branco, cinza, preto e leves toques de azul e do roxo característico de Saint Laurent. Destaque para os sapatos: mocassins, oxfords e sandálias, todos com um alto salto anabela. Fechando o desfile, uma bonita série de vestidos e conjuntos em looks total branco. Fonte: ModaSpot.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe um comentário

Arquivado em itskika's files!

Stella McCartney no PFW 2011.

Stella McCartney abriu seu desfile com uma nova proposta de silhueta: vestidos e blusas vieram com um volume ao longo das mangas que começa no ombro e acaba no punho. A renomada alfaiataria da estilista britânica apareceu mais masculina do que nunca, com ombros exagerados em paletós de formas retas e amplas que exigirão consumidoras corajosas. As chamativas estampas que lembram papel alumínio amassado foram outro elemento difícil de digerir. Jogando com extremos, a britânica ofereceu opções para noite bem mais delicadas e femininas. Assim como Marc Jacobs, Stella investiu nos poás, alinhados a transparências em reveladoras peças. Os três últimos looks do desfile, marcados por recortes sinuosos, são uma boa pedida para o público mais sensual da estilista. Fonte: ModaSpot

Este slideshow necessita de JavaScript.

1 comentário

Arquivado em itskika's files!

Louis Vuitton no PFW 2011.

Marc Jacobs reproduziu o cenário de um antigo hotel, com direito a porteiros e elevadores, para o desfile de inverno 2012 da Louis Vuitton. Só que o Grand Hotel da Vuitton veio repleto de arrumadeiras fetichistas, que usavam blusas e vestidos transparentes, cintos em forma de corset e até algemas (acessório que também foi visto na coleção de Pedro Lourenço) presas às desejadas bolsas da grife. Os casacos tinham um ar militar, que foi acentuado pelos quepes e pelas galochas de borracha com altas plataformas. As “funcionárias” do Hotel da Vuitton também vestiram calças jodhpur de comprimento abaixo do joelho, vestidos de renda emborrachada, hot pants e pele de carneiro da Mongólia. Na lista de hóspedes especiais estavam as tops Naomi Campbell, Amber Valletta, Carolyn Murphy e Kate Moss, que fechou o desfile fumando um cigarro. Fonte: ModaSpot.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe um comentário

Arquivado em itskika's files!

Christian Dior no PFW 2011.

A Dior é famosa por realizar os desfiles mais aguardados da semana de moda de Paris. A curiosidade nesta temporada, entretanto, se voltou para o escândalo que levou à demissão de John Galliano do cargo de diretor criativo da grife. A primeira apresentação da Dior após 15 anos de Galliano começou com um discurso do presidente da marca, Sidney Toledano. Sem citar nominalmente Galliano, o executivo deu a entender que o comportamento do estilista britânico havia sido intolerável. “Foi doloroso ver o nome da Dior associado a afirmações vergonhosas atribuídas a seu estilista, não importa o quão brilhante ele seja”, disse. Enquanto isso, do lado de fora do Musée Rodin, havia uma multidão de curiosos, manifestantes e apoiadores de Galliano.

Karlie Kloss abriu o desfile usando uma capa longa, botas de salto e cano altíssimo e chapéu (o look lembrava os trajes dos mosqueteiros do século 17. Seria uma última homenagem a Galliano a suas costumeiras fantasias?). O restante do desfile seguiu com o mix de materiais, influências e estilos que Galliano sempre soube fazer tão bem. Muitas peles e volumosas saias marcaram a primeira série de looks. A combinação de chapéu com óculos redondo deixou algumas meninas com cara de anos 1970. Logo depois apareceram os vestidos com tecidos e tonalidades mais delicadas, muitos babados e alguns florais. A apresentação foi encerrada com uma série de longos delicados e vaporosos.

Ao final do desfile, a equipe de estilo e de costureiros da maison surgiu na passarela, todos vestidos de branco. Eles receberam os aplausos de pé de uma comovida plateia, que com certeza lamenta a saída de um estilista tão talentoso por motivos tão constrangedores. Fonte: ModaSpot

Este slideshow necessita de JavaScript.

Deixe um comentário

Arquivado em itskika's files!